por

ANTI – O novo álbum da Rihanna que dá o que falar.

Foto: Divulgação Rihannanow.com.

Enfim, o tão esperado álbum ANTI comemora um mês de lançamento. O SNPOP traz um review especial, que consiste em entender e compreender os supostos contextos, conceitos de criação do álbum e essa nova fase da nossa querida Rihanna.

Para iniciarmos, vamos falar do período pré-lançamento. Em 2014, Rihanna postou em seu Twitter uma foto indicando em que ela estava em estúdio preparando seu novo álbum. Lembrando que o álbum anterior Unapologetic foi lançado em 2012. Depois, começaram a surgir cada vez mais suposições e indicações sobre como seria este novo álbum. A partir disso, a própria Rihanna tratava qualquer assunto referente ao álbum com a hashtag #R8, fazendo menção a sua oitava obra musical e dando uma margem aos fãs para denomina-lo assim, já que nada oficial tinha sido dito. E isso perpetuou por um bom tempo.

Em 24 de Janeiro de 2015, Rihanna nos deu uma deixa do que viria pela frente (até então…): FourFiveSeconds, um novo single com uma roupagem mais classuda e madura do que Rihanna vem fazendo ao longo de sua carreira. O single conta com a participação de ninguém menos que Sir Paul McCartney e Kanye West, que além de cantar, a dupla também compôs a canção. A música foi muito bem aceita pela crítica, mas não obteve tanto sucesso nas paradas musicais. E assim aconteceram com os outros singles que foram ‘lançados’ na sequência: American Oxygen e Bitch Better Have My Money. As músicas tiveram suas apresentações em alguns programas e a memorável apresentação de BBHMM no iHeartRadio Music Awards.

Não podemos negar que até aqui os clipes foram muito bem produzidos, American Oxygen tem uma mensagem de cunho social e BBHMM não tem como grudar em nossas mentes com seu refrão melódico e pegajoso. Agradou os fãs, talvez. Mas o desempenho nas paradas musicais resultou o descarte dessas músicas para a produção do álbum, fazendo Rihanna se (pre)ocupar mais com a produção e procurar novas músicas para completar seu álbum.

Mesmo sem álbum, Rihanna cumpriu a sua agenda de show, como o fechamento da edição do Rock in Rio 2015, em setembro do mesmo ano, que vale lembrar que foi o primeiro dia do festival a esgotar os ingressos em apenas 57 MINUTOS. Essa mulher tem um poder, convenhamos. Depois realizou show no Chile e outros lugares pontuais.

Uma luz no túnel da divulgação do álbum apareceu primeiro em outubro: No dia 07, em uma galeria de arte em Los Angeles, Rihanna revelou o nome e a arte da capa de seu álbum ANTI. o responsável pela criação foi o artista israelense Roy Nachum, que já tinha trabalhado na arte dos singles anteriores: FourFiveSeconds, Amerycan Oxygen e Bitch Better Have My Money. O encarte trás algo inédito: descrição em Braille. Dessa forma, Rihanna sugere que seus fãs possam sentir o fisicamente a mensagem de seu novo trabalho. Na continuação deste post, falaremos sobre o conceito ANTI.

Na onda de novidades, em novembro de 2015, Rihanna lança um hotsite codinome ANTIdiaRy, onde seria desbloqueado cada capitulo sobre o conceito do novo álbum, dividido em oito episódios. Assista todos abaixo:

Os vídeos supostamente representam a nova linguagem e abordagem em que Rihanna pretende dar a sua carreira e ao seu conteúdo audiovisual. Deixando de lado todas as medidas, julgamento, palpites de quem havia a dirigindo anteriormente, já que anteriormente, Rihanna havia deixado sua gravadora Def Jam para ser apenas gerenciada pela Roc Nation de Jay-Z. Nos vídeos entendem-se que Rihanna foi atrás de sua essência para produzir aquilo que lhe convém. E assim foi feito.

Para o desespero de alguns, no final do ano, em dezembro, Sia revelou que Rihanna havia descartado algumas músicas oferecidas à ela e que a mesma ainda estaria trabalhando em seu álbum. Oremos.

Continua…

Anúncios
por

ANTI – O novo álbum da Rihanna que dá o que falar. Parte 02.

Dando continuidade ao entendimento de criação do novo álbum ANTI, falaremos agora do lançamento, single oficial, músicas e seu conceito.

Logo após o lançamento do último episódio do ANTIdiaRy, que falamos no post anterior, no dia 27 de Janeiro Rihanna lanço seu primeiro single de trabalho do novo álbum: Work, que mais uma vez traria Drake como featuring. O single já alcançou o top da parada de singles na Billboard.

 

ATÉ QUE, cercado de muita pressão, muito bafafá, no dia 27 de janeiro de 2016, o álbum vazou na internet e os fãs foram a loucura. No dia seguinte, 28, Rihanna liberou o álbum gratuito na plataforma TIDAL.

No dia seguinte, o álbum já foi certificado como disco de platina (01 milhão de cópias) nos Estados Unidos, mas não teve reconhecimento por parte da Billboard, uma vez que a Samsung, patrocinadora da divulgação do álbum e da turnê da barbariana, investiu 23 milhões de dólares nisso tudo, comprando um lote de 01 milhão de cópias do álbum, ou seja, mesmo tendo sido baixado gratuitamente pelos fãs, a conta foi paga pela empresa sul-coreana. Entendemos o porque a Billboard não o reconhece, sendo que são válidos para computação a venda física, downloads em lojas virtuais como iTunes e Amazon e streaming. Pega o seu suquinho e senta para ver no que ainda vai render sobre esse assunto.

AGORA SIM, vamos falar do conteúdo do ANTI.

#ANTi #antiR8

A post shared by badgalriri (@badgalriri) on

 

Como a própria imagem sugere, ANTI é uma quebra ao que é imposto. É o sentindo contrário. É desvio padrão.  Com essa ideia, já podemos compreender que esse é o papel do álbum: ser diferente e oposto do que já foi feito.

A descrição do encarte em braille sugere essa nova linguagem e conceito proposto. Confira:

“Às vezes temo ser incompreendida
É simples porque o que eu quero dizer,
o que eu preciso dizer, não será ouvido.
Ouvida de uma forma que eu mereça,
O que eu escolho dizer tem tanta essência,
Que as pessoas não entendem a profundidade da mensagem
Então a minha voz não é minha fraqueza
É o oposto do que as pessoas tem medo
Minha voz é meu terno e armadura
Meu escudo, e tudo que sou
Eu vou confortavelmente respirar fundo, até que eu encontre o momento certo para me silenciar
Eu vivo agitadamente na minha mente, muitas horas do dia
O barulho do mundo é nada além de um alfinete se comparado com minha mente
Que lateja e estronda nas paredes do meu crânio
Eu vivo e amo tanto que desprezo a forma que estou presa nisso
Então ser incompreendida, não é um gesto de ofensa, mas de honra
Se nos deixarem…”

O álbum é composto pelas seguintes faixas:

01. Consideration (Feat. SZA)
02. James Joint
03. Kiss It Better
04. Work (Feat. Drake)
05. Desperado
06. Woo
7. Needed Me
08. Yeah, I Said It
09. Same Ol’ Mistakes
10. Never Ending
11. Love On The Brain
12. Higher
13. Close To You

Versão Deluxe:
14. Good Night Gotham
15. Pose
16. Sex With Me

Algumas conclusões sobre as faixas:

Consideration abre bem o álbum, é um convite para o que vem por aí e já mostra para o quê ele veio. Tem uma sonoridade bem hip hip e r’n’b. Já dá um certo estranhamento para quem está acostumado com a farofa, mas para os mais acostumados, não é tão distante ao quem ela já tem feito. A voz do SZA dá um contra balanço aos timbres da RiRi.

James Joint: Uma ode à maconha.

Kiss It Better: Uma música romântica, que lembra um pouco a mensagem de You Da One. Batidas bem marcantes no começo que se sobressaem.

Work: Se não fosse Rihanna, Drake e as batidas fortes que misturam vários elementos, seria uma música reggaeton do Sean Paul. Fácil. Quando o single foi lançado, ele veio com uma sonoridade e pegado muito fácil para ser tocada nas rádios. E para ser coreografada, claro. Drake faz uma junção muito bem orquestrada e harmoniosa à música. O entrosamento dos dois fica nítido, ainda mais no clipe, que foi lançado em 22 de Fevereiro de 2016. Rihanna gravou duas versões. Gostou tanto das duas que acabou lançando-as! Confere aí:

Desperado: Muito bem cantada e uma proposta diferente também.

Woo: Descartável

Needed Me: É bem produzida, talvez não tenha alto impacto, mas é bem cantada, tem um lado mais rap.

Yeah, I Said It: Um timbre mais suave da Rihanna foi trabalho e o resultado ficou bom.

Same Ol’ Mistakes: Um ar dos anos 1990. Um mid-tempo diferente no final que pode agradar ou não.

Never ending: Uma música mais voz e violão. Diria facilmente que ela poderia ser do Jason Mraz ou da Colbie Caillat. Suave e com batidas crescentes. Vai ser bonito vê-la ao vivo.

Love On The Brain: Uma intro total anos 1960, que funcionaria como trilha para qualquer momento romântico, inclusive em séries ou filmes. Especial para AQUELE DIA.  Alguns compararam com Superpower da Beyoncé. Nada demais.

Higher: Abusou dos alcances vocais. E não ficou ruim, viu.

Close To You: Fecha a versão standard. Também muito bem cantada, romântica e dessa vez voz e piano. Rihanna sempre finalizando com músicas de muito amor ao próximo, não é!?

Goodnight Gotham: Tocou na abertura do show dela Rock in Rio, olha aqui. Tem sample da Florence nessa música. Não entendi o papel dela no álbum ainda.

Poser: Descartável.

Sex With Me: Uma música de autoafirmação. Rihanna falando o quanto ela é boa de cama. Não duvido. 🙂

É isso: ANTI é um álbum sem muita farofa. Mostra sim a maturidade da Rihanna e que mesmo sendo um pouco oposto os hits chicletes, ela fez bem em lançar algo que ela acredita. QUEM NUNCA? Muitos falaram que é um álbum ideal para: momentos românticos e sexuais, enrolar uma ervinha e ficar bêbado. Em certas partes é mesmo. Ainda levará muito tempo para todos entrarem em acordo sobre qual a finalidade do álbum em si. Mas num futuro, saberemos essa real intenção. Deixa os PRÉconceitos de lado e a farofa também e liberte-se a essa nova fase.

Aproveita que o álbum já está no Spotify e dá o play!

por

Xuxa estreia na Rede Record e já queremos mais!

 

A apresentadora Xuxa Meneghel estreou seu novo programa, autointitulado, na Rede Record. Após 29 anos de Rede Globo e afastada por motivo de saúde, Xuxa retorna à TV nas noites de segunda-feira e garante mais uma vez que ainda é a Rainha dos Baixinhos e Altinhos. 

Segunda-feira, 17 de Agosto de 2015 ficará marcado na história da Televisão. Após muito burburinho, boatos, clichês e ansiedade, a apresentadora Xuxa estreou na sua nova emissora, a Rede Record. Xuxa completou o elenco de apresentadores da emissora paulista no começo de 2015, rompendo com sua antiga emissora, a Rede Globo, depois de 29 anos como apresentadora.

Seu programa garantiu a vice-liderança no Ibope, segundo Ricardo Feltrin, em sua coluna Ooops no UOL. E claro, fez surgir novos memes e uma enxurrada de comentários nas redes sociais. No Twitter, por exemplo, a hashtag #XuxaNaRecord ficou em primeiro lugar durante todo programa.

O SNPOP acompanhou a estreia da Rainha e faz um resumo de como foi o Programa Xuxa Meneghel:

Tudo começou com um relato de Xuxa sobre como foi chegar na Record… Para a vaga de apresentadora. De repente, Xuxa se dirige ao “Departamento de Recursos Humanos” da emissora para uma entrevista de emprego. Ela responde todas as perguntas no modo Xuxa: usando as frases de suas principais canções/hits.  E claro, ela acaba sendo contratada.

Assim que revelado o novo palco, Xuxa entra ovacionada e inicia um discurso que foi mais um desabafo do que outra coisa. Ela comenta como ela está encarando essa nova fase em sua vida e carreira, a receptividade dos funcionários da emissora, as comparações, os boatos, sua relação com a emissora anterior. Momento Lua de Cristal.

Xuxa mostrou o cenário novo e sua primeira ‘atração’ foi redimir-se comum pedido de desculpas à uma ex-participante do programa Clube da Criança, apresentado por Xuxa na Manchete, nos anos 80. SIM! A nossa querida Claúdia, ou melhor, Érica, que sentou lá, recebeu as desculpas da Rainha e ganhou uma cadeira exclusiva na plateia. Muito amor ❤.

Depois, Xuxa comentou e mostrou fotos e vídeos que a comparavam com a apresentadora estadunidense, Ellen DeGeneres. Rolou também uma entrevista fake com a Ellen. Nada demais. Depois, teve o elenco da novela Os Dez Mandamentos, que ficaram de coadjuvantes o programa inteiro no novo sofá de Xuxa. Porém, no ápice da entrevista, foi mostrado um vídeo da participação de Xuxa na novela. Seria MARA se fosse verdade.

Um quadro do programa se chama Toc Toc. Nada mais que a Xuxa chegando na casa de meros mortais e fãs e surpreendendo a pessoa da melhor forma possível, já que a visita é surpresa. Além disso, os felizardos ganharam um Vale-Plateia, para assistir o programa de pertinho. Aguardando a Xuxa pousar com sua nave aqui em casa.

Depois teve a Xuxa Oprah, dando presente para todo mundo da plateia. Xuxa SAMU, atendendo uma fã toda debilitada, que estava dentro de uma ambulância no RecNov (central onde é gravado as novelas da Record e agora, o Programa da Xuxa). E Xou com Alexandre Pires.

Já se aproximando do fim do programa, Xuxa comentou sobre a proibição imposta pela Globo em não permitir que seus funcionários comentassem sobre a sua saída da emissora. Valeria Valença, ex/eterna Globeleza estava na plateia, ao lado de dois convidados não identificados. Homenageando aqueles que não puderam comparecer devido a proibição da toda poderosa.

 

Aproveitando o momento, Xuxa comenta que Chacrinha uma vez lhe disse que ela poderia ficar no lugar dele, depois que ele moresse e a recusa por parte do mestre Silvio Santos, dono e apresentador do SBT, em ser entrevistado por ela. Na sequência, ela mostra um vídeo de Silvio, que comenta a ganância dos homens e porque ele se tornou dono de uma rede de televisão. Em seguida, Xuxa fala sobre Hebe Camargo, lembrando que a faixa nobre da TV e as segundas-feira pertenciam a Hebe e agora está ocupando o seu lugar, segundo comparações. Xuxa mostra um vídeo em homenagem a Hebe, a capa e matéria da Revista Manchete de 1996, que leva Xuxa e Hebe estampadas na primeira página. Foi bonito.

O programa acabou com Xuxa dando sua mensagem de luz para seus súditos, ao som de Alexandre Pires.

É claro, que o programa teve erros e acertos. Evidente. Foi ótimo ver uma Xuxa mais boca aberta, mais liberal. Porém, houve um demasiado excesso, por conta do nervosismo e ansiedade. Xuxa não começou ontem na televisão e não merece ficar afastada. O programa precisa ser assistido pela própria equipe, entender o que deu e não deu certo. Trabalhar com cuidado na convergência de conteúdo oriundo da internet para a TV. E dar mais originalidade ao programa. Fico feliz, extremamente feliz em saber que Xuxa e sua equipe estão atentos ao que está acontecendo na internet, isso só beneficia o programa. Mas também, não podem ter medo de seguir um roteiro que mantenha a atenção do telespectador e não é só porque é ao vivo que tudo precisa ser dito e mostrado. Tem tempo para tudo. E com certeza, o Programa Xuxa Meneghel ainda vai dar muito o que falar. Aliás, já deu! Nossas segundas-feira nunca mais serão as mesmas.

Aproveitem e sigam o perfil do Programa Xuxa Meneghel no Twitter, o site no R7 e o perfil da Rainha no Facebook.

Beijinho, beijinho e tchau tchau.

por

JLo + Pitbull = Live It Up!

Apresentando mais uma para o (pré) verão 2013 norte americano, JLo divulgou sua nova música ‘Live It Up’, featuring Pitbull e produzida pelo querido RedOne.

Mesma fórmula usada anteriormente? Sim e com certeza, né, JLo e Mr. World Wide. On The Floor e Dance Again tem Pitbull e tem RedOne! JLo agora quer mais do mesmo para (tentar) manter suas músicas nas pistas e no topo das paradas. Claro que ela não é a única.

O único problema é que mais do mesmo (farofa) acaba cansando, MAS, se apresenta qualidade e agrada todo mundo, merece mesmo vários #1 e prêmios!

Sobre a música, inicialmente não tem  o choque comovente  e bailante como On The Floor, e muito menos a vontade de cair na pista como Dance Again; Ouvindo na segunda vez já anima mais!

É óbvio que em breve ouviremos a músicas nas rádios e baladas da vida, e depois iremos saber a letra e esperar ansiosamente pelo clipe! Além dos performances ao vivo (primeiro já confirmado é o Billboard Awards 2013 e boatos da final do American Idol)!

Então, escuta aí ‘Live It Up’ e tire suas conclusões  e arrasta a cadeira para dançar!

por

Bruno Mars na Rolling Stones americana!

Hum! Bruno Mars atacou todo de leopardo (sim, leopardo!)  na capa da edição de maio/2013 da Rolling Stones americana! Como a própria revista diz, Bruno é o filho de ouro do POP. Quem discorda?

Além de falar sobre música, o que sabemos que Bruno faz muito bem, ele conta a revista seus problemas na infância, dificuldades que a família enfrentava. Bruno é o filho terceiro entre seis irmãos, seus pais já eram e criaram uma família de músicos. Ele revela que já chegou a pagar as contas de casa mas, que jamais trocaria essa vivência, pois agora graças a isso, ele sente que pode curtir a vida de verdade.

Bruno Mars estará no Billboard Music Awards 2013 no dia 19 de maio. Curtiremos ao vivo o show de Bruno e depois veremos os altos relances aqui no SNP, ok!

por

Rumor do dia: Lindsay Lohan e Max George (The Wanted) juntos!?

É babado, é rumor, é Instagram! Lindsay Lohan e Max George estariam ficando mais que amigos? Essa foto, tirada e postada por LiLo pode dizer muita coisa, ou não.

Bem, o que realmente acontece é que LiLo tem se juntado aos amigos do The Wanted, desde o final de 2012. Ambos, viajaram pelos Estados Unidos e LiLo foi até Londres, conferir a performance do grupo no Jingle Bell Ball 2012 da Capital FM UK, iniciando os rumores do affair.

O que acham desse novo casal? Apenas amigos? O lance é o lance? Veremos!

E falando de The Wanted, a banda lançou uma nova versão do clipe de ‘I Found You’. Fazendo a linha  Beatles (quem nunca?), o clipe mostra a banda se apresentando num programa norte americano, estilo The Ed Sullivan Show (programa no qual os Beatles participaram nos anos 60 e foi recorde de audiência na época), que além de se apresentarem, a banda faz o favor de levar suas fãs a extrema loucura, ao ponto delas invadirem o palco do programa \o/! O que é o Nathan seduzindo/sofrendo na primeira parte que as fãs tentam atacá-lo? Hot or not?

Confiram a segunda versão (bem mais bolada e divertida) de ‘I Found You’ do The Wanted!

por

Preview de Boomerang, novo single de Nicole Scherzinger

Olha isso, Brasil! 2013 começando com tudo! E a espera está acabando (só que não)! A ‘mais querida e odiada’ jurada do X-Factor UK, Nicole Scherzinger, liberou uma prévia do seu novo single, Boomerang. Em 2012, ela tinha liberado a foto do single (acima), que ficou recheado de efeitos do photoshop/paint e afins.

Boomerang, será lançada oficialmente na próxima semana, e o novo álbum está com lançamento previsto para o final do mês de janeiro de 2013.

Confesso que Nicole não me surpreendeu com este single. Mais do mesmo, RedOne. Conheço cada música do Killer Love, seu último álbum lançado, e Boomerang se encaixaria no set list. Quem sabe ouvindo a faixa completa (difícil), minha opinião mude.

Vejam o pequeno trecho de Boomerang, novo single de Nicole Scherzinger.

por

Britney Spears está supostamente fora da terceira temporada do X-Factor!

É isso mesmo! Britney Spears talvez não fará mais parte do time dos jurados na terceira temporada do X-Factor USA. Segundo uma fonte do próprio programa, Britney com todo seu sucesso, não alavancou a audiência como esperado. Tudo bem que Britney sozinha não é razão principal da audiência, mas, quando falamos de apenas um contrato de quase 14 milhões de dólares, sabemos que os executivos da FOX queriam o retorno em breve.

Também, segundo a revista People, Britney pretende focar na sua carreira musical em 2013. Já o TV Guide disse que Britney sabendo do corte da atração, já teria aproveitado a deixa para poder focar na sua carreira.

Já não temos mais o L.A. Reid, agora supostamente, Britney Spears está fora. Vamos ver como Simon Cowell irá mover seus pauzinhos e irá arranjar mais dois jurados para a próxima temporada do X-Factor USA. Oremos.

por

Gossip & News 2013!

As comemorações e festas acabaram e as notícias do mundo POP voltam com tudo por mais um ano! E o SNPOP traz as últimas novidades do mundo POP, que talvez, serão repercutidas por todo 2013!

Will.i.am sairá em tour solo em 2013!

Will.i.am confirmou via Twitter, que planeja sair em turnê mundial em 2013! Will.i.am adiou o lançamento do seu novo álbum ‘#willpower’ após seu carro ter sido roubado. No carro, havia músicas do novo álbum que, em seguida, foram vazadas, deixam Will chateado. Will.i.am revela que sua vontade era deixar Michael Jackson e Quincy Jones com muito orgulho do novo álbum. Esperamos ficar também!

BBB13! Novos brothers!

Aline, André, Andressa, Aslan, Fernanda, Ivan, Marien e Nasser são os participantes que já estão confirmados para casa mais vigiada do país!  (Divulgação TV Globo)

Começo de ano e também começo do Big Brother Brasil, o reality show mais assistido do país! Já foram anunciados oito (foto acima) participantes que irão para casa e outros seis que irão para a ‘Casa de vidro’, localizada num shopping paulistano.

André, Bernado, Kamilla, Kelly, Marcello e Samara são participantes que ficarão na ‘Casa de vidro’ do BBB13! (Divulgação TV Globo)

Ainda faltam seis participantes, segundo a produção, e estes serão ex-Brothers! Quem será!? Só saberemos a partir da estreia, 08 de Janeiro. E que comecem as torcidas do BBB13!

por

Lady Gaga faz versão jazz de ‘Yoü and I’!

Lady Gaga, liberou via Twitter, a versão jazz do segundo single do álbum ‘Born This Way’, ‘Yoü and I‘. Gaga disse que música surgiu após muito whisky com o trompetista nova iorquino, Brian Newman, que colabora nessa versão jazz. Recentemente, Gaga e Tony Bennett comentaram que pretendem lançar um álbum de jazz juntos. Huuuum! Esperamos para ver e ouvir!

Escuta aí, ‘Yoü and I‘ Jazz version!